9 da manhã e tudo dormia

Segunda-feira, era suposto estarmos a sair a correr alguém a reclamar com alguém porque estamos atrasados, ou sujos ou isso tudo.


Decidi ignorar, é segunda-feira para mim também e o meu cérebro está dormente. Levantei-me, vesti-me e essas coisas todas e desci. Cozinha em silêncio. Não comi uma, comi duas torradas e com doce. Fiz chá e tive tempo que arrefecesse pelo que consegui beber, feito único. Depois li as notícias no telemóvel, parece que a esquerda ganhou mesmo na Grécia e mas não teve maioria. Óptimo, pode ser que ainda tenham mais trabalho.


Às 9h pensas que às tantas o melhor é acordares a malta. Acordar o marido não custo, aquele pequeno demónio em ti adora a ideia do “se pensas que vai dormir mais que eu tás enganado!”. Os miúdos é que acaba por ser mais complicado… quantas vezes suplicaste para que dormissem mais um bocado? Até às 9h já dava, agora que perceberam o ponto vais estragar? E depois acordam molinhos e demora o dobro a vestir e transportar para a escola. e se quiseres ser mesmo purista não se deve interromper o sono de crianças tão novas, deve fazer uma cena qualquer ao desenvolvimento. De certeza.


E a Tânia ainda pode crescer, dizem que dormir muito faz crescer.


Perdida nestes assuntos de sono o manel acorda espetacularmente bem-disposto. Chega a mim delirante “mãe hoje dormi até quantas horas?”. Tudo acontece como estava previsto para a hora anterior mas estranhamente mais rápido. Cheguei a horas e deixei o chinoca com o pai cujos sonos acabaram 10 minutos depois coordenados.

Segunda sem stress. Perfeito.

rosa amado

Sem comentários:

Enviar um comentário