baptizado xavier

dependo dos outros e não tenho vergonha nenhuma de o dizer.
dependo dos outros acima de tudo emocionalmente gosto de os ter lá e acho que a vida faz muito mais sentido assim. essa é uma das coisas que quero passar aos meus filhos, que se encham de amigos e família e que os façam parte da vida deles. hoje, o baptizado do xavier também foi isso.

Foi o avô tonas que apareceu às 9h para preparar o almoço, o avô miguel que deu a casa a paciência e tudo o que tinha para o dia ser espectacular, foi o avô zé que emprestou os sofás e os chapéus de sol. foi a avó que trouxe o bolo como os de antigamente e tratou da roupa dos netos. foi o tio manel que trouxe os gelados, o tio zé que ofereceu a sangria de frutos vermelhos e o tio miguelaço as colunas para termos musica. a tia vera que nos mostrou onde era a igreja, a tia filipa que trouxe a lisa que deu um dos dias da sua folga. foi a tania que escolheu e preparou a missa ao detalhe, foi o bitão que arranjou o coro e cantou com todos. e foi o padre João Goulão que fez um missão. e foram todos, família e amigos que trouxeram o espírito para este grande dia.
Obrigada, sem vocês as coisas também se faziam, mas não era a mesma coisa.
foi uma festa de todos.

Querido xavier não te vais lembrar deste dia mas sempre que quiseres eu conto-to vezes e vezes sem conta. Não estava muito calor, estava bom. Os manos foram andando com o pai e nós chegámos mais tarde com a avó. chegaram quase todos antes de nós e tu ias que nem uma noiva. começámos a missa cá fora e entrámos como ias tu depois entrar na vida cristã. o padre explicou-te tudo como ia ser e tu parecias concentrado. depois entornou-te água benta numa concha de algum trizavô. os teus padrinhos babavam de orgulho, os três avós leram e os manos também. depois seguimos para casa do avô miguel e da avó mana, avó estava em espírito, e que grande espírito. comprámos as flores que gosta para gostar de ver enquanto estivesse por lá, gostaria sempre mas assim foi só para ela. almoçarada, piscina e ficámos todos por lá a aproveitar o dia que era teu. andaste de colo em colo como manda a lenda e tirámos montes de fotografias para te mostrar.

amigos do pai e da mãe, amigas da tania, primos, tios e avós, foi disto o dia todo e foi espetacular.

um dia quando quiseres conto-te outra vez.

   








 

 
   
















 














rosa amado

Sem comentários:

Enviar um comentário