Loucura total

Andávamos aí com uns sonhos. E que bom que é sonhar. Parte do sonho passava por meter a família toda num avião, a outra era realmente o sonho. A primeira parte matava logo a segunda no critério do budget e o sonho continuava. Porque vale a pena sonhar.

Depois certo dia de sol e calor aparece um sr que mora do outro lado do mundo e está disposto a trocar a nossa rica casa por milhas. milhas de sonhos digo eu. Claro que é uma troca de semanas, ele fica, nós saímos e ganhamos asas.
xina men de repente é um sonho. mobilizamos todos [lá de casa] e está tudo animado e andamos os três em segredinhos de quando e como o sr do outro lado do mundo virá para nos realizar sonhos.

ele pensa bem e vem mesmo e sexta, esta sexta, estamos na rua. delírio de alegria nosso. delírio de loucura quando pensas que tens de desmontar toda uma vida e criar outra temporária para que tudo isto seja possível.

toca a buzina e tá a valer. 3 dias para mudar de vida por 20 dias e depois no fim do ano, se tudo correr bem concretizamos o tal sonho.
3 dias para nos reinstalarmos e não destruirmos a vida de ninguém pelo caminho. 
3 dias para virar o mundo ao contrário para que tudo seja mais que um sonho.

e menos de 3 horas depois estás claro a ligar à mãe a saber se tem espaço para 6. 
matemáticas lixadas de um projecto em que vale quase tudo, quase tudo de bom e que não se atropele ninguém.
não for essa a solução temos o alfabeto todos de planos alternativos.

reportaremos detalhes desta loucura por aqui. fiquem desse lado que nós estaremos deste para vos contar tudo.















rosa amado

1 comentário: