Só nós dois

E depois ficámos só nós dois.
Porque sem nós não havia cinco, nem seis.
Porque é importante que alimentar o primeiro filho, aquele que não conta para as contas. O casamento.
Estamos bem e vamos sempre estando bem a dois, e a cinco e a seis.
Gostamos de estar e mesmo se estamos em silêncio estamos os dois.
Relembramos aa aventuras a dois quando éramos só dois e fazemos todo o percurso até hoje. Fazemos planos, minhentos. Ganhamos vezes sem conta o euromilhões e voltamos ao que temos que na verdade é melhor que isso.
Estes momentos duram meses de memória e só são interrompidos por saudades dos três que ficaram. Três que são tema de metade dos sonhos. Temos tantos para nós como para eles. E é tão bom sonhar.

Podemos fazer isto porque temos uma estrutura familiar espetacular.  No fundo é o princípio e fim de tudo.

Obrigada tania e rosarinho e mãe e tio e todos por serem e olharem pelos nossos, por tudo o que nos dão.

rosa amado

Sem comentários:

Enviar um comentário