A festa da vida delas

Contei-vos sobre a ideia, depois sobre a mini equipa que juntei e a semana passada até vos contei sobre os sonhos de festa deles. O que não vos contei, porque nem eu contava, foi da emoção que seria e foi. Talvez fosse esperado, eu achei que superou.

Começamos em festas no sábado de manhã. Combinei ir buscar a Mafalda (que fazia 13 anos nesse dia) a casa. Ele tinha pedido para levar os pais ao cinema no dia dela e nós tratamos disso. Convidámos ainda 5 amigos que moram com ela na instituição para virem também. À chegada, sem saber se ia chumbar pelo ridículo, dei-lhe uma coroa de rainha do dia. Chumbei eu por tonta, a coroa estava mais do que à altura do acontecimento e 3 dias depois ainda deve estar na cabeça.
No caminho fiquei a saber que dona Mafalda há 13 anos tinha decidido nascer em casa, na pressa e loucura que têm caracterizado os anos seguintes. Chegados a miraflores a excitação tomou conta quando percebeu que tinha uma sala de cinema só para ela (Dolce Vita Miraflores) e que podia escolher o filme, afinal era só o seu grande dia. O Guru foi o escolhido e mudou umas 5 vezes de cadeira para garantir que aquilo era tudo reino "dela". A historia acabou bem e rematámos ainda melhor com um bolo e presentes: um peluche da minie e maquilhagem só incrível. Parece estranho mas a ingenuidade da idade às vezes pede-nos um bocado de tudo e consegue surpreender. No caso dela a alegria foi tal que não conseguimos nenhuma fotografia focada.









Parabéns Mafalda. A vida até aqui nem sempre foi fácil, e não podemos prometer que vá passar a ser, mas o sorriso do dia diz-nos que te sentiste muito especial e era só isso que queríamos garantir.






Daí pegámos para a festa da Lídia que por coincidência faz anos no mesmo dia. Muda a cassete e começamos a preparar o mood sunset party.
Limpar terreno, montar cenário, luzes de arraial (impecavelmente emprestadas e montadas), sistema de som com subufer (não faço ideia se tinha mas é a maneira mais cool que encontro para o descrever) e velas, muitas velas para dar ambiente e soprar a tantos anos de vida.
O meu pai apareceu com o jantar que ele fez e acabou a almoçar connosco. A catarina orientou sumos (sucol), enchidos (nobre) e atum (bom petisco) para pastas de entradas. A inês (e a mini inês de 3 meses) foi a maior dinamizadora das limpezas e fica na acta tudo o que insólito ela apanhou por ali. A Didi fez a mousse de sobremesa. A Ana, ainda que de férias, fez chegar pufss e decor. E todas juntas montamos o festão, com o mesmo amor que montaríamos para um filho.

3 horas antes a menina dos anos sobe para os aprumos e chega ao set à hora marcada para receber os convidados. A lista tinha 40 e foi encolhida a esforço. o combinado era apresentarem o convite à porta (preparados pela Ana). A verdade é que passadas duas horas tínhamos pouco mais que 10 gatos pingados e quase panicámos. De todos os cenários não tínhamos previsto um possível fracasso, e como iríamos nós dar-lhe a volta emocional a isto. Foram ali 30 minutos de auto-mutilação (alguma em grupo também) até que aparece o esperado mar de gente. Esta idade tem que se lhe diga e aparentemente estavam só à espera deste e daquele para entrar e por isso entraram 30 duma vez. E começou a acção. Pizza atrás de pizza no forno para os servir (obrigada Pasta non basta), esparguete à bolonhesa e muito sumo para hidratar a malta. A tania de maquina em punho fazia a cobertura mediática do evento e chega a hora da surpresa da noite: o cantor de kizomba. Ela tinha só pedido kizomba mas nós quisemos dar um passo à frente e surpreender, como fazemos para um filho. E assim foi, entraram de mansinho e ela ficou de queixo no chão e bergonhas nos beiços. Eu não sei se vocês estão por dentro da arte, eu não estava, mas a coisa soa a serenata com ritmos de abanar o rabo. A letra é só elogiosa e deixa qualquer um envergonhado de amor [aquela vergonha que se tem quando alguém faz altas demonstrações de amor em publico]. E foi isso, ela ali sem saber o que fazer e os amigos a aplaudir mas também meio a medo. O Pisca e Babilonya deram um showzasso e saíram em altas. Foram incríveis, OBRIGADA.

Eles seguiram no ritmo e nós voltamos às lides das pizzas e enfarda brutos até que veio o bolo (que entretanto estava cada vez mais torto) mas tinha as cores e desenhos (mais ou menos) escolhidos por ela. Foguetes de velas e quase 50 amigos a gritar parabéns e muitos anos de vida. Distribuiu bolo a cada amigo e fez discurso de agradecimento. Foi uma noite feliz e muito animada. Os amigos (ainda que em idade parvinha) foram muito muito educados, agradeciam e ajudavam a que tudo corresse ainda melhor. Às 11h sairam e foram dar um giro pela noite, pois é mora numa instituição mas tem idade e juízo para de vez em quando ir dar uma volta, porque isso também faz parte da alegria da vida e do crescimento. afinal já tem 19 anos.

Foi até às tantas a festejar vidas. Do nosso lado tivemos mão de 5 a ajudar, outros 5 em backoffice. Do lado da instituição contamos com uma equipa de luxo a Soraia e a Dra Leonor. A primeira é só das pessoas mais incríveis que tenho conhecido, não veste só a camisola, veste as calças as meias e os casacos por aquela causa e entregou dois dos seus dias de ferias para lhes poder proporcionar estes dias de festa. A Segunda é quem manda naquilo tudo e teve a coragem de acreditar no projecto e meter mãos à obra, ficou para receber, servir e agradeceu muito este projecto. Nós agradecemos muitíssimo mais a ela poder dar "tão pouco" e receber tanta alegria em troca. Ver que coisas que damos como adquiridas fazem a diferença na vida de outros, passam a fazer na nossa também.

































Agradecer também às marcas e empresas que também tiveram a coragem de acreditar, quase sem nada neste protejo, e nas quais vocês devem por os olhos:

Enchidos Nobre| atum Bom Petisco| bebidas Sucol| Pratos e talheres Jerónimo martins| Pizzas pasta non basta| luz e som Multilem| kizombada Pisca produções| cinema Dolce vitaMiraflores e NOS| Cenas de bolos Partyland

não é hábito nosso fazer publicidade mas estas marcas fizeram acontecer, mais que merecem.

rosa amado

2 comentários:

  1. Fico cheia de vontade de participar também :) Espectáculo, R!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. e vamos precisar muito de ti. temos mais de 60 festas para organizar algumas delas de babies de 1 ano! beijão e obrigada por quereres fazer parte deste projecto de festa

      Eliminar